W3Schools
Foto: Acervo Pessoal

Tirar notas boas é um desafio. Fechar uma prova? Mais difícil ainda. Imagina então gabaritar uma das provas mais disputadas de todo o país? Foi isso que Caio Martins Temponi do Valle, de apenas 12 anos, conseguiu.

Nascido em Três Rios, Caio acertou todas as questões do Exame de Admissão ao Curso Preparatório de Cadetes do Ar para 2021, da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (Epcar), em Barbacena (MG).

Filho de Laurismara e Antônio Marcos Temponi, Caio gabaritou em todas as três provas objetivas que compõem o exame, além de terminar em primeiro lugar na redação da prova. Essa foi mais um dos incríveis resultados conquistados ao longo da curta, mas vitoriosa, caminhada escolar.

Morando atualmente na cidade mineira de Juiz de Fora, Caio se tornou a pessoa mais nova a passar em primeiro lugar no Colégio Militar do município.

Ele também coleciona medalhas de ouro na Olimpíada Mineira de Matemática (2019) e Olimpíada Brasileira de Astronomia (2019), além da prata na Olimpíada Paulista de Matemática (2019) e menção honrosa na Olimpíada Brasileira de Matemática (2019).

“Participo de olimpíadas científicas com paixão! Costumo dizer que quando a gente começa não para mais; dá um gostinho de bis. Acho muito interessante essas provas porque começamos a pensar de outra forma em situações diferentes. As Olimpíadas deixam as questões bem mais fáceis de resolver”, disse Caio.



O começo de tudo


Caio iniciou seus estudos no Colégio Santo Antônio, em Três Rios, onde concluiu a pré-escola. “Ele iria para o Ensino Fundamental, quando conversamos com a escola, a respeito do seu avanço. Levamos ele ao kumon (método de ensino autodidata) onde a orientadora Marilene Monaquezi fez uma avaliação no Caio e, logo de cara, disse a mim e ao meu marido que tinha 25 anos de profissão e nunca tinha visto uma criança assim”, comenta Laurismara.

A mãe ainda conta que teve a ideia de pular de série e começou a praticar o ensino autodidata, e em dois meses de aulas já tinha avançado três anos. E esse rendimento contribuiu para os excelentes resultados nas aulas regulares.

Foto: Acervo Pessoal


Participação na TV


Laurismara também destaca a participação no Programa Silvio Santos. “Caio estava com 9 anos e me pediu para inscrever ele no The Voice Kids. Na época achei engraçado, porque ele não sabia cantar. Estávamos no período de férias, e no dia 15 janeiro assisti ao SBT e vi que no Programa do Silvio tinha um quadro de talentos infantis.”

Para participar do programa, era necessário gravar um vídeo mostrando alguma habilidade. “Ele já sabia a capital de todos os países do mundo, então me pediu para gravar, ainda de pijama”, relembra a mãe.

“Eu achei que eles nem olhariam, mas para minha surpresa, dois dias depois entraram em contato comigo, falando que tinham ficado encantados.”

A família então viajou para São Paulo para gravar. “Ir ao programa do Silvio Santos foi muito legal, e levarei para a minha vida toda”, ressalta Caio.

Depois da participação na TV, a família reativou o canal no Youtube - Gabaritando Com Caio Temponi, onde o jovem dá algumas aulas e responde algumas questões de provas.

Foto: Acervo Pessoal



Segredo do Sucesso


A mãe destaca a importância da participação da família na vida escolar dos filhos.” A primeira coisa para uma rotina de estudos são os pais sempre ao lado do colégio. Uma criança não vence só com a escola, precisa da ajuda da família em casa, incentivando, cobrando e auxiliando sempre. Devemos desenvolver o hábito da leitura, partindo do nosso exemplo. A educação é algo que nunca poderá ser tirado deles.”

Torcedor do Flamengo, Caio adora jogar bola e praticar natação. Mas o seu hobby favorito é gravar os vídeos para o seu canal. “Fiz o meu canal pensando em ajudar os amigos, e o amor pela matemática. Hoje abri um curso totalmente grátis e online para ajudar as crianças a passarem nas provas de vários concursos.”

Caio em almoço com o comandante da Epcar. / Foto: Acervo Pessoal


Sonhos e Metas


Laurismara conta que desde muito cedo, ele deseja ser juiz federal. Além disso, Caio pretende viajar pelo mundo e conhecer a Noruega. Mas até lá, o pequeno gênio tem um objetivo em mente.

“Pretendo fazer todos os concurso e olimpíadas se Deus quiser, e esse ano já participei da minha primeira olimpíada internacional, a Olimpíada de Mayo (prova de matemática feita por alunos da América Latina, Espanha e Portugal).

“Meu sonho é chegar até a IMO (Olimpíada Internacional de Matemática, e trazer uma medalha para o Brasil. Estou focando bastante para ter essa conquista e representar o Brasil nas internacionais.”. Desejamos boa sorte e que venham mais conquistas para o nosso “Michael Phelps das olimpíadas estudantis”.

1 Comentários

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem